Projetos

 
Image by Zoe Schaeffer

Sementes

A agricultura encontra na existência das sementes um dos fundamentos de sua evolução.


A essencialidade que as sementes apresentam para os cultivos devem estimular os agricultores a produzir suas próprias sementes. Uma das reconhecidas qualidades de agricultura praticada em Santa Catarina é a produção de sementes, que o projeto “Sementes Biodinâmicas” incorpora  qualifica, trazendo esta característica para a agricultura nacional.


Atualmente, na sociedade nacional e mundial é consenso a intenção da alimentação saudável, automaticamente identificados com a agricultura orgânica.


Nos últimos anos o envolvimento das associações cresceu bastante, e no período entre os anos de 2011 e 2014, a ABDSul promoveu reuniões mensais para capacitação dos agricultores familiares das associações mencionadas, com a finalidade de ampliar o entendimento sobre a condução de sistemas de criação de aves de postura. Foi consenso entre os agricultores que um dos entraves para a produção de ovos, identificado durante aquelas reuniões, é a produção de insumos para confecção de rações para as aves, e igualmente, das sementes necessárias para a produção. A partir daquele momento, os agricultores tem dedicado mais atenção para a produção de sementes.


Sob a coordenação da ABDSul, iniciou-se em 2010 a produção de sementes próprias, e até o presente foi possível dispor de um pequeno banco de sementes, com ampla variedade plantas, instalado na sede da própria entidade. Adicionalmente, alguns agricultores reforçaram suas ações para a guarda de sementes, mantendo sementes em que têm mais interesse, e deixando espaço em suas geladeiras domésticas para prevenir a perda das sementes.


Por outro lado, ainda que identificada a demanda por sementes orgânicas para seus cultivos, permanece a indisponibilidade de recursos para a implantação de unidades de referências que estimule a manutenção de um sistema de produção de sementes.


É indispensável a qualidade e viabilidade das sementes, e para que isso seja possível, torna-se necessários que haja um qualificada condução de produção, beneficiamento e armazenamento. Isto garantirá automaticamente a sustentabilidade do organismo agrícola.


Procurando por sementes? Acesse a nossa loja e adquira online.

 
Image by Jametlene Reskp

Assistência Técnica em Biodinâmica

Este projeto tem como objetivo levar aos organismos agrícolas biodinâmicos em fase de certificação a assistência técnica necessária para qualificar a prática e conhecimento sobre os fundamentos da agricultura biodinâmica, a elaboração, o uso e aplicação dos preparados biodinâmicos, e o registro das realizações dos participantes.


Realiza-se nos encontros entre os participantes, e estimula o estreitamento das suas relações sociais e culturais dos participantes, de modo que cada um desempenhe um papel central nas atividades conjuntas, por exemplo, quando da aplicação dos preparados nos diversos organismos agrícolas.


A integração entre ambas as iniciativas, a assistência técnica e a relações sociais e culturais, podem constituir também uma atividade de impulso que caracterize o trabalho na produção biodinâmica de forma muito prática, resultando na melhor compreensão e facilitando sua interação na sociedade em geral.


Com a capacitação dos participantes e sua interação com o conjunto, cada um por sua vez poderá se tornar um potencial extensionista da assistência técnica para a agricultura biodinâmica. Este processo também visa que os participantes atuem no processo de capacitação interna ao grupo de maneira contínua.


Os resultados esperados são o empoderamento da(o)s agricultora(e)s, a difusão do conhecimento, e a qualificação na elaboração e aplicação dos preparados biodinâmicos, tendo como consequência a melhoria da qualidade da vitalidade das plantas produzidas, e a melhoria do ambiente dos organismos agrícolas onde está sendo feita a aplicação dos preparados.


Associado a estas mudanças, espera-se que a interação entre os participantes resulte em melhor atuação conjunta, e o fortalecimento das atividades em prol da qualidade de vida em geral, nas comunidades e nos municípios onde vivem.

 
Image by Timur Romanov

O animal no organismo agrícola

Existe a necessidade de se empregar na agricultura uma fonte de energia que permita qualificar as atividades ali realizadas, sem que sejam perdidas outras já alcançadas, como a eficiência econômica, ambiental e social.


O projeto afirma ser a energia originada do emprego de animais de tração, a fonte em questão, por suas peculiaridades de pertinência ao ambiente, acrescida da eficiência econômica e social.


A primeira qualidade do projeto é sua modernidade. Isto é, empregar animais para os serviços nos organismos agrícolas, está de acordo com as mais recentes propostas relativamente a uma mudança da matriz energética, que tenham como finalidade a diminuição da emissão de gases tóxicos na atmosfera. Sua modernidade também se encontra na geração de novas tecnologias, como é o desenvolvimento de equipamentos adequados as demandas relativas a ergonomia para os animais, com a intenção que os seus esforços mantenham sua saúde em boas condições.

                                                        

Na busca por independência quanto aos fatores de produção, a tração animal permite que o agricultor passe a usar energia produzida no próprio organismo agrícola, sendo desnecessária a aquisição de combustível. Note-se que os custos para esta produção de energia são muito inferiores aos custos de manutenção de tratores, por exemplo. Do ponto de vista da economia o emprego de animais para os serviços agrícolas é uma

alternativa econômica redutora de custos para a produção nas áreas de agricultura familiar, tendo em consideração a eficiência da tecnologia e sua eficiência.


Por outro lado, a utilização de animais nos organismos agrícolas é socialmente positiva, porque promove a sua interação com o homem e também entre o homem e o meio ambiente, considerando que o fruto do trabalho conjunto só poderá ser alcançado em um processo de cooperação, que será realizado obrigatoriamente no espaço aberto. E, o trabalho com tração animal permite uma interação entre os agricultores de uma mesma localidade, para troca de informações, estimulando os processos de conhecimento.


O projeto vai no sentido de qualificar e ampliar a existência animal nos organismos agrícolas.


Com o objetivo de conscientizar e defender o trabalho dos animais com o conjunto com os seres humanos, respeitando seu bem estar, será realizado pela ABDSul um curso sobre a atuação do animal no organismo agrícola em Santa Maria/RS e Florianópolis/SC, em Julho e Agosto, consecutivamente.

 

Insira seu email abaixo e seja informado das novidades da ABDSul

Formulário de Inscrição

R. Pastor William Richard Schisler Filho, 1051 - Itacorubi, Florianópolis - SC, 88034-100, Brasil

  • Facebook

©2020 por ABDSul